Como funciona a comercialização de óvulos


Já imaginou ganhar muito dinheiro vendendo seus óvulos? Eles podem valer muito. A comercialização de material genético é um assunto polêmico, que divide as opniões. Apesar da venda de óvulos ser ilegal no Brasil, muitas mulheres tem sido seduzidas por essa proposta tentadora e recorrem a outros países como Estados Unidos, Chipre, África do Sul e Índia, onde além de ser legal, essa prática é bem comum. 

Através da internet, muitas brasileiras oferecem seus óvulos. Essas candidatas têm entre 20 e 45 anos, perfis variados, sendo que a maioria já tem filhos e falam abertamente sobre o interesse financeiro na negociação.

Onde e como vender óvulos

No Brasil isso é impossível! Assim como a barriga de aluguel não solidária, a venda de óvulos no país, é proibida. Por esse motivo, muitas mulheres viajam para o exterior para vender suas células. Diversos laboratórios nos Estados Unidos, por exemplo, compram gametas femininos, chegando a pagar U$ 10.ooo às mulheres que se dispõem a vender. 

O termo correto, utilizado no processo de compra e venda de óvulos, é doação. A remuneração ocorre para compensar a doadora por todo esforço e tempo dedicados ao processo. A doação de óvulos é muito mais complicada que a doação de esperma; envolve doses cavalares de medicamentos e uma pequena cirurgia ao final, para retirar os óvulos de dentro dos ovários.

Algumas empresas divulgam em seus sites os serviços de orientação e encaminhamento para laboratórios de reprodução assistida que fazem todo processo de doação.

Observação importante: No Brasil é proibida a comercialização de óvulos. Os óvulos devem ser doados, sem fins lucrativos e de maneira anônima.

Requisitos para ser doadora de óvulos

Ser uma doadora de óvulos não é um processo simples. Todas as mulheres passam por um processo rígido de seleção. É realizada uma entrevista, análise de perfil físico, aptidões, exames físicos, teste psicológico, dentre outros que o laboratório em questão julgar necessário. Durante a entrevista, a doadora é informada sobre todo o processo de doação, os medicamentos que deverão ser ministrados, efeitos colaterais e riscos, além das regras a cerca do processo.

Basicamente, para ser selecionada a doadora deve:

Ter idade entre 22 e 35 anos;
Não fumar;
Não ter doenças genéticas transmissíveis na família;
Não sofrer de doenças crônicas, como hipertensão ou diabetes.

Observação: Essa lista pode variar de acordo a cada laboratório.

Após a aprovação, a doadora irá aguardar uma receptora interessada em receber seus óvulos e assim que surgir, irá se submeter a todos os procedimentos necessários para que seja possível a coleta de óvulos e a doação efetivada.

Como funciona a doação de óvulos

O processo de doação pode levar mais de 4 semanas, durante esse período, a doadora recebe ajuda psicológica e deve seguir a risca todas as orientações fornecidas pelo laboratório para que haja sucesso no procedimento. São elas:

Não fumar;
Não consumir bebidas alcoólicas;
Não fazer tatuagens;
Não praticar sexo;
Não praticar exercícios;
Ter boas horas de sono;
Beber bastante líquido;
Renunciar todos os direitos de maternidade das crianças nascidas a partir do seus óvulos;
Aplicar injeções de hormônios diariamente;
Se submeter a exames , quase que diários, de ultrassom e sangue, para acompanhamento.

Observação: Essa lista pode variar de acordo a cada laboratório.

Recuperação após doação de óvulos

Apesar de ser um procedimento cirúrgico, sendo necessário a sedação, o processo de recuperação é super rápido e fácil. Não é necessário repouso, no dia seguinte ao procedimento a mulher já pode seguir com suas atividades normalmente. 

Quantas vezes uma mulher pode doar óvulos?

Uma mulher pode doar óvulos quantas vezes quiser, não há limites máximos pré-estabelecidos para esse tipo de procedimento. Basta estar apta e ser selecionada. 

Quais os riscos da doação de óvulos para a doadora?

Com a administração de altas doses de hormônios, que servem para estimular os ovários, a mulher pode desenvolver a Síndrome da Hiperestimulação do Ovário, onde é produzido grandes quantidades de hormônio estradiol, o que pode levar ao desenvolvimento de trombose.

Elimine até 6kg nos primeiros 14 dias!


Elimine até 6kg nos primeiros 14 dias!
Compartilhe com seus amigos...Share on Facebook
Facebook

   

124 Comentários em “Como funciona a comercialização de óvulos

  1. Possuo interesse na venda. Como devo proceder? Tenho 23 anos, olhos e cabelos castanhos, pele branca, 63 kg e 1,67 de altura. Meu lado paterno é descendente de portugueses e meu lado materno é latino da amazônia. Já tenho curso superior e faço pós-graduação (mestrado). Não bebo e nem fumo. Sem histórico de doenças genéticas na família. Sangue O+. e-mail para contato: [email protected]

    I am interested in selling. How should I proceed? I am 23 years old, brown eyes and hair, white skin, 63 kg and 1.67 in height. My paternal side is descended from Portuguese and my maternal side is Latin from the Amazon. I already have a university degree and I do post-graduate studies (master’s degree). I do not drink or smoke. No history of genetic diseases in the family. O + blood. contact email: [email protected]

  2. Meu nome é Flavia tenho 34 anos quero vender ou trocar meu óvulos pois quero fazer uma inseminação in vitro sou morena clara olho castanho mel cabelo castanho claro e bom já tive três filhos só que faz 14 anos que mim separei arrumei um rapaz que ñ tem filhos e sonho de é ser pai vai ai um apelo.

  3. Oi meninas, alguma de vcs tiveram algum retorno sobre a venda ou doação de óvulos?
    Pois gostaria de vender os meus…
    Ou se alguém sabe a clínica certa e confiável que faça isso me chame 41987817892

  4. tenho interesse em “doar” meus óvulos, mas o único requisito que não cumpro é a idade pois tenho 20 anos. Se alguém puder me auxiliar com isso, me indicar uma clínica que me aceitaria e me encaminhar, eu agradeço. contato: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *